Olá Visitante, Identifique-se

FALE CONOSCO (14) 3102-1000

SKU 111771
21% OFF

Antimicrobiano Clinbacter (Clindamicina) para Cães e Gatos com 14 comprimidos

R$ 85,90
R$ 67,90
Cartão de Crédito

1 x sem juros de R$ 67,90 no Cartão de Crédito

2 x sem juros de R$ 33,95 no Cartão de Crédito

3 x sem juros de R$ 22,63 no Cartão de Crédito

4 x com juros de R$ 17,35 no Cartão de Crédito

5 x com juros de R$ 15,29 no Cartão de Crédito

    • 1
      Tamanho
      75 mg Indisponível
      150 mg Indisponível
Aproveite, ainda temos 3 itens no estoque
R$ 85,90
R$ 67,90
Quantidade
Consulte frete e prazo de entrega

Não sabe o CEP?

O Clinbacter®? é um antimicrobiano indicado para cães e gatos, sensíveis às seguintes cepas:

- Cães: Fusobacterium nucleatum, Porphyromonas gulae, Staphylococcus aureus, Staphylococcus intermedius, Streptococcus canis e Streptococcus pyogenes.

- Gatos: Staphylococcus aureus, Streptococcus canis e Streptococcus pyogenes.

 

Fórmula:

Cada comprimido de 210 mg contém:

Clindamicina*........................................................75 mg

Excipiente.......................q.s.p..............................210 mg

*equivalente a 81,450 mg de cloridrato de clindamicina

 

Cada comprimido de 420 mg contém:

Clindamicina*......................................................150 mg

Excipiente................................q.s.p.....................420 mg

*equivalente a 171,100 mg de cloridrato de clindamicina

 

Informações técnicas:

O Clinbacter tem como princípio ativo a clindamicina, antimicrobiano semissintético do grupo das lincosamidas. Seu mecanismo de ação é impedir a síntese proteica, ao se ligar à subunidade 50S do ribossomo, desta forma, não permite a translocação do RNAt e inibe a enzima peptidiltransferase (impedindo o alongamento da cadeia peptídica). As lincosamidas podem agir como agentes bacteriostáticos ou bactericidas, dependendo da concentração da droga no local da infecção e da susceptibilidade do organismo.

 

A Clindamicina é absorvida no trato gastrointestinal e a presença de alimentos parece não afetar a sua absorção. O pico de concentração no soro ocorre 45 minutos após administração e apresenta meia vida de 2 a 5 horas. Em cães, a biodisponibilidade oral é cerca de 73%, e 36% da dose administrada é excretada sem modificação. A Clindamicina é parcialmente metabolizada no fígado tanto no metabólito ativo quanto inativo. A parcela não modificada é excretada na urina, fezes e bile.

 

Posologia e modo de usar:

Clinbacter deve ser administrado exclusivamente pela via oral. Administrar 10mg/kg do produto a cada 12 horas.

 

Contraindicações:

Não usar o produto em animais com histórico de hipersensibilidade às lincosamidas. Em pacientes com doença renal e/ou hepática severa, a medicação deve ser utilizada com cautela. Recomenda-se monitorar os níveis séricos de clindamicina, especialmente em terapias com altas doses. O uso da clindamicina deve ser evitado em pacientes neonatos. Produtos à base de lincosamidas são contraindicados para uso em roedores, lagomorfos, ruminantes e cavalos.

 

Interações medicamentosas:

Não administrar Clinbacter com os seguintes medicamentos:

• Ciclosporinas: A clindamicina pode reduzir os níveis séricos do medicamento.

• Eritromicina: Deve ser evitado o uso concomitante de ambas as medicações devido a antagonismo detectado em estudos in vitro.

• Bloqueadores neuromusculares (ex.: pancurônio): A clindamicina possui uma atividade intrínseca de bloqueador muscular, sendo assim, deve ser utilizada com cautela com esse tipo de medicamento

 

Efeitos adversos:

Os efeitos adversos mais comuns descritos em cães e gatos são de ordem gastrointestinal, como êmese, fezes pastosas e raramente diarreia com sangue em cães. Ocasionalmente, gatos podem apresentar hipersalivação após a administração da medicação. Cloridrato de Clindamicina Devido a relatos de lesões esofágicas (esofagite, estenose) em cães e gatos, recomenda-se que a ingestão dos comprimidos seja seguida de água ou alimentos.

 

Precauções:

Produtos veterinários devem ser mantidos fora do alcance de crianças e de animais domésticos e não devem ser armazenados junto de alimentos, bebidas ou produtos de higiene pessoal. Não foram realizados estudos em fêmeas prenhes, lactantes e em animais com idade inferior a 1 ano. Manter o produto em sua embalagem original. Em caso de ingestão acidental, não induzir o vômito. Consulte um médico imediatamente, levando a embalagem ou o rótulo do produto. Não perfurar a embalagem.

 

Superdosagem:

Existe pouca informação disponível sobre superdosagem deste fármaco. Em cães, estudos toxicológicos com doses orais acima de 300 mg/kg/dia por mais de um ano não resultaram em toxicidade; enquanto cães que receberam 600 mg/kg/dia, apresentaram anorexia, vômito e perda de peso.

 

Apresentação:

Blísteres contendo 14 comprimidos com 75, 150 e 300 mg de clindamicina, acondicionados em cartuchos de papelão. (Consulte opções em ESCOLHA A VARIAÇÃO).

Conservar em local seco e na embalagem original, à temperatura ambiente (15ºC a 30ºC), ao abrigo da luz solar direta e de umidade, e fora do alcance de crianças e animais domésticos.

 

VENDA SOB PRESCRIÇÃO E ADMINISTRAÇÃO SOB ORIENTAÇÃO DO MÉDICO VETERINÁRIO

Mais Vendidos

Produtos que você já viu

Você ainda não visualizou nenhum produto

Termos Buscados

Você ainda não realizou nenhuma busca
Desenvolvido por Lemoon Agency com Tecnologia Tray Corp